Artigos . Cuidando dos nossos filhos…

Drº. Francisco Soares Netto
crm 14.721
Pediatria e Homeopatia – Gran Clinic

Depois do Amor, a Disciplina é o maior legado que os pais podem deixar para os filhos.

Solicitado a enviar uma mensagem inicial aos leitores fiquei, além de lisonjeado, preocupado com o quê escrever e que pudesse ser útil para as mães e para as crianças.

Vieram à minha mente vários artigos científicos, textos de revistas e jornais que fossem interessantes, mas gostaria de discorrer um pouco sobre a importância e a inter-relação da disciplina e do exemplo não só na educação, como na saúde das crianças.

Como Pediatra, com atividade em consultório há quase quarenta anos, a experiência e vivência nos mostram que a maioria dos pais não gosta da idéia de se tornarem disciplinadores.

Todos nós queremos crianças bem comportadas, mas temos medo de reprimir-lhes o ânimo e sufocá-las sob uma carga excessiva de restrições, acrescidos dos conflitos emocionais, que podem ocorrer quando os pais, e principalmente a mãe, trabalham fora o dia inteiro.

Disciplina significa educar, ensinar e não castigar.

Pela educação, proporcionamos condição de desenvolvimento físico, intelectual e moral ao ser humano.

Para tanto, envolve amor, diálogo, respeito, bom senso e principalmente, o exemplo, pois só há um jeito de desenvolver o outro. É desenvolver-se primeiro.

Disciplina requer obediência que supõe autoridade e no mínimo dois sujeitos, aquele que exerce a autoridade e o outro que responde com obediência, mantendo o vínculo com a autoridade.

Não confundir autoridade com autoritarismo, nem disciplina com condicionamento. O recém nascido já deverá ter seus horários para comer e dormir, pois a relação entre a amamentação e o retorno da mãe ao trabalho, é uma das questões mais freqüentes a ser resolvida no nosso cotidiano. Temos equacionado satisfatoriamente este problema, expondo às mães a importância da disciplina na amamentação, orientando–as a desenvolver o sentido de observar a si mesma e a sua criança. Isto permitirá encontrar o ritmo eficiente das mamadas , sendo fundamental a sua manutenção.

Além disso, mostramos como é importante e salutar a criança dormir em seu próprio leito, descansando e deixando a mãe descansar. (Aguarde as recomendações de como fazer para seu filho ir para a cama).

Com isso e com outras orientações seqüenciais, o retorno da mãe ao trabalho será mais tranqüilo no término da licença maternidade, sem traumas para nenhuma parte.

Como mensagem, deixamos o poema de Kalil Gibran:

Teus filhos
não são teus filhos,
São os filhos e as filhas
Da ânsia da vida por si mesma,
Vêm através de ti, mas não são de ti
E, embora vivam contigo,
Não te pertencem.

Podes outorgar-lhes teu amor,
Mas não teus pensamentos,
Porque eles têm seus próprios pensamentos.

Podes abrigar seus corpos,
Mas não suas almas, pois suas almas
Moram na mansão do amanhã
Que tu não podes visitar
Nem mesmo em sonhos.

Podes esforçar-te para ser como eles,
Mas não procures fazê-los como tu
Porque a vida não anda para trás
E não se demora como os dias passados.
Tu és o arco do qual teus filhos são
Arremessados como flechas vivas.

Que teu encurvamento,
Na mão do arqueiro,
Seja tua alegria!