Artigos . A anemia nas crianças

Anemia

A anemia se caracteriza por diminuição dos glóbulos vermelhos no sangue e/ou hemoglobina neles contida, que são responsáveis pelo transporte de oxigênio aos tecidos do corpo e geração de energia para as atividades do dia-a-dia.

O seu filho poderá desenvolver anemia quando ocorrer uma das seguintes situações:

  • Não há produção suficiente de glóbulos vermelhos
  • Ocorre aumento da destruição dos glóbulos vermelhos
  • Ocorrem perdas sanguíneas

A principal causa de anemia na infância é a deficiência de ferro na alimentação. A faixa etária dos 6 aos 24 meses de idade é a mais acometida devido ao rápido crescimento e desenvolvimento do organismo durante esse período, que requer maior oferta de ferro.

anemia

Porém, nem sempre a ingestão de ferro é adequada. Também podem ocorrer perdas sanguíneas consequentes a algumas doenças como refluxo gastroesofágico, intolerância à proteína do leite de vaca, parasitoses intestinais e diarréias.

Para saber se a criança está com anemia, alguns sinais podem ser observados:

  • Palidez da pele
  • Cansaço, fraqueza, sonolência, apatia
  • Falta de apetite
  • Irritabilidade, redução da capacidade de atenção
  • Déficit de crescimento e desenvolvimento
  • Perversão do apetite (“pica”): ingestão de terra, sabão, gelo

A confirmação da anemia é realizada através do hemograma, onde são estudadas a quantidade e as características dos glóbulos vermelhos e do seu conteúdo, a hemoglobina. O tipo de anemia será definido através de história clínica, exame físico do paciente e realização de exames de sangue específicos.

Uma vez diagnosticada a anemia por carência de ferro, é fundamental assegurar uma nutrição adequada, com alimentos ricos em ferro, como por exemplo: carnes, principalmente as vermelhas; vísceras; feijão; gema de ovo; verduras e hortaliças, principalmente as verdes escuras. Além da alimentação, é preciso iniciar tratamento com suplementação de ferro oral, geralmente por um período de 3 meses.

Dicas:

  • Oferecer após o almoço, frutas como laranja e outras que sejam fontes de vitamina C, pois potencializam a absorção do ferro.
  • Evitar a ingestão de leite e chás durante ou após as refeições, pois estes inibem a absorção de ferro.
  • Incentivar o consumo de alimentos variados, principalmente os ricos em ferro.